Hot Pot - Tudo o que precisam de saber para experimentar em casa

segunda-feira, dezembro 12, 2016


Lembram-se de ter dito AQUI que uma das coisas que gostava mais em Macau era o hot pot? Pois nem de propósito, este fim-de-semana, uma amiga minha chinesa de quem gosto muito, convidou-me para um hot pot na sua casa. 

O hot pot consiste numa panela colocada no centro da mesa, na qual diversos ingredientes são colocados e cozinhados em lume brando. Os pratos típicos de hot pot são carne de boa qualidade, cortada muito fininha, muitos vegetais, cogumelos, dumplings, tofu e marisco. Normalmente, os ingredientes depois de cozinhados são comidos com um molho (alho, chili, salsa ou cebolinho, óleo de sesamo ou soja). O hot pot é característico do Inverno, quando está frio.

A história do hot pot chinês tem mais de 1000 anos. O hot pot parece ser originário do tempo da Dinastia Jin, em que o ingrediente principal era carne, geralmente bife, cavalo ou carneiro. Espalhou-se depois pela China durante a Disnastia Song e estabeleceu-se como hábito cultural durante a Dinastia Yuan. Nessa altura, em determinadas regiões começou a comer-se marisco também.

Os caldos variam, sendo que alguns são picantes. Há até panelas que têm uma divisão para que se possa colocar dois caldos diferentes.

Este era muito simples, foi feito apenas com água, sal e vegetais mas estava delicioso. Deixo aqui o registo fotográfico para poderem ver e quem sabe fazerem na vossa casa. Venham ver!



O hot pot é bom quando é um convívio de várias pessoas (no caso eramos 7) porque assim pode-se experimentar um pouco de tudo. Menos de asas de galinha, essas dispenso. Mas estão ali na mesma, ao pé do nada típico Compal :-p

















Em cima são os temperos: alho, cebolinho, chili e salsa. Geralmente gosto de colocar alho, salsa e óleo de sésamo. Fica delicioso. Em baixo 2 tipos de cogumelo, tofu e dumplings.


 
A panela do hot pot, apenas com o caldo: água, sal, milho e winter melon.


A mesma panela vista de cima, sem a tampa, e já com alguns ingredientes (incluindo a carne). Podem escolher-se apenas vegetais, por exemplo. Aquela parte branca nos cantos, é a gordura da própria carne, que vai sendo retirada com uma colher. Não adicionamos nenhum óleo à panela.

Mmmm, adoro. E vocês? Já experimentaram? Quais os vossos ingredientes preferidos? Como gostam do caldo?


*****

Nota:  Crédito da primeira foto: Rui Cascão. Todas as outras são minhas.

Para updates diários, façam like no 6800milhas AQUI ou sigam-nos no Instragram @6800milhas. Se quiserem entrar em contacto connosco, por razões pessoais ou parcerias, enviem-nos um email para 6800milhas@gmail.com

You Might Also Like

9 comentários

  1. Olha! Em Amesterdão comi algo parecido, hotsput! =) Não é em panela, mas é em forma de panela!

    Que tradição bonita, esta :)

    Um beijinho dourado,
    O Biquíni Dourado
    Facebook
    Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A sério? Que giro. Tens fotos ou algum post para eu ver como é?

      Eliminar
  2. Deve ser uma delícia!!!!! Que tradição gira!
    beijinhos
    https://direitoporlinhastortas-id.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Eu comi uma coisa parecida na casa de uma amiga no Japão. Comeu-se, mas não fiquei fã :S Como não sou grande apreciadora de carne e não gosto de cogumelos, a coisa complica um bocadinho :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é complicado, tens marisco, peixe, imenso vegetais e dumplings de vegetais e peixe! :-)

      Eliminar
  4. Tenho de fazer, até parece simples! E eu adoro comida asiática :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim experimenta, é simples e muito saboroso :-)

      Eliminar
  5. Tenho de ser honesta... sempre foi prato que me fez confusao e não consigo comer :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sério? Mas porquê? No fundo é como o fondue francês, só que em vez de azeite/óleo, leva um caldo (basicamente água a cozer e vegetais)

      Eliminar