O melhor de São Francisco, Califórnia



São Francisco é uma cidade bastante inclinada mas onde se pode ir para todo o lado a pé. Tem um ambiente descontraído, oferta cultural, variedade de restaurantes e bares e o clima é óptimo. Em algumas zonas faz lembrar um pouco Lisboa. Era uma cidade onde me via perfeitamente a viver.

Para quem chega ao aeroporto há várias opções de TRANSPORTE para o centro:
- o bart, que é um comboio que liga o aeroporto ao centro da cidade e custa à volta de 8 dólares;
- o táxi, que fica bastante mais caro e que, para Union Square por exemplo, ronda os 64 dólares; ou - uma carrinha partilhada com outras pessoas que embora mais cara que o bart (17 dólares por pessoa) deixa-vos mesmo à porta do hotel.

Em termos de HÓTEIS, as melhores áreas para ficar são:
- Union Square, pela localização (é fácil chegar a todo o lado a partir daqui), para fazer compras e para assistir a peças de teatro no American Conservation Theater ou no SHN;
- Civic Center, para ouvir a San Francisco Symphony, ir à ópera e ao ballet, ou ouvir jazz no SFJAZZ. Podem ainda visitar o Asian Art Museum e apreciar uma das mais completas colecções de arte asiática do mundo;
- Soma, se forem aquilo que se chama de "foodie" pois é uma das zonas com mais comida deliciosa por metro quadrado :-p De fácil acesso a um dos bairros típicos, Mission, onde também se come bem;
- Embarcadero, se privilegiarem um "healthy lifestyle" pois têm acesso a espaços maravilhosos para praticar desporto e uma vista maravilhosa da Bay Bridge. Levantem-se de manhã para ver o nascer e do sol e façam uma corrida ao longo de Embarcadero, pelo Ferry Building até ao Pier 39;
- Fisherman´s Wharf, para vistas espectaculares e para passear.

Eu acabei por ficar em Union Square e considero ter sido uma óptima escolha porque consegui caminhar para todo o lado a pé.

O QUE VALE A PENA VER?


1. Os bairros típicos:
A) Castro - Aqui encontram uma comunidade vibrante e colorida, várias lojas e bares cool e o famoso teatro Castro, que data de 1922.



B) Haight - Ahsbury - coração do movimento hippie, é um lugar interessante pelas propostas alternativas e boémias.


C) Nort Beach - bairro italiano que para além de diversos bons cafés e restaurantes é também conhecido por uma das mais antigas livrarias - a City Lights.


D) Mission - dominada por taquerias (onde é imperdoável não experimentarem o burrito) vale a pena ver pelos murais espalhados pelo bairro.


E) Chinatown - que é um bairro autêntico e cheio de vida.



2. Coit Tower - aconselho a visita pelos murais inspirados pelo estilo de Diego Rivera, um dos maiores pintores mexicanos, casado com Frida Kahlo. A visita aos murais é gratuita. Para apanhar o elevador até ao topo e ver a vista o preço é 8 dólares por adulto e 2 por criança. Esperamos cerca de 45 minutos na fila, mas o senhor informou-nos que em épocas altas pode chegar a 2 horas de espera. A vista - de toda a cidade - é bonita mas não sei se esperava 2 horas...Olhem para a foto em baixo e digam-me vocês - vale a pena?


3. Fisherman´s Wharf  - aqui podem apanhar um barco para dar um passeio até à Golden Gate Bridge (a famosa ponte vermelha que virou o ícone da cidade) ou Alcatraz e ver as famosas focas no pier 39. Nós optamos por não ir a Alcatraz porque o tour demora mais tempo mas acredito que valha a pena. O barco passa mesmo debaixo da ponte.





4. Ferry Building. - aqui encontram os mais variados restaurantes e pequenas lojas a vender desde queijos até chocolates e produtos orgânicos. Almocei lá, no Prather Ranch, e optei por um wrap em folha de alface que estava delicioso. Às Terças e Sábados às 2h da tarde realiza-se o Farmer´s Market. Lá encontram frutas, vegetais, ervas e especiarias, flores, carne e ovos de pequenos agricultores locais, a maior parte orgânicos. Também vi vários tipos de queijos e doces regionais.

5. Painted Ladies. - são um conjunto de casas vitorianas lindas, pintadas em cores diferentes, que estão na primeira foto deste post. Na verdade, São Francisco tem várias casas deste tipo mas as mais famosas estão na Alamo Square, um lugar simpático para fazer piqueniques

6. Lombard Sreet - esta rua é tão famosa que não vale a pena dizer nada certo? É das ruas mais inclinadas de São Francisco e tem 8 curvas que diminuem os seus 27 graus de inclinação.

ONDE COMER?


Em São Francisco há bastantes opções saudáveis e um investimento grande dos restaurantes em produtos orgânicos dos agricultores locais. São Francisco tem uma variedade de restaurantes com gastronomia de diferentes partes do mundo, oferecendo portanto diferentes propostas.

Para almoçar aconselho o Ferry Building, onde a escolha é ilimitada, ou o La Taqueria em Mission, onde se pode comer o melhor burrito da America.

Para jantar, sugiro dois restaurantes:
- o Helmand Palace é um restaurante afegão em Russian Hill, a precisar de uma nova decoração/remodelação, mas onde a comida é simplesmente deliciosa. Comecem por pedir Kaddo para entrada e garanto que não se vão arrepender. Para prato principal o seek kebab é uma boa escolha. O preço é bastante acessível.
- o One Market Restaurant apresenta uma proposta de comida californiana do mercado para a mesa. O ambiente é mais intimista e o preço já é muito mais puxado. Para prato principal não deixem de escolher as vieiras e barriga de porco com trigo sarraceno.

Para mais opções carreguem na zona que desejam carreguem AQUI!






E vocês? Já estiveram em São Francisco? O que gostaram mais?

Para updates diários, façam like no Facebook do 6800milhas AQUI ou sigam-nos no Instragram @6800milhas. Se quiserem entrar em contacto connosco, por razões pessoais ou parcerias, enviem-nos um email para 6800milhas@gmail.com.

0 comentários: